Wednesday, April 23, 2014

22 de Abril

Triangulo não tão amoroso.

Duas coisas importantes sobre mim, coisa número um, eu sou da classe média brasileira, isso significa que eu vivo bem e confortavelmente dentro dos limites racionais da minha conta bancária, coisa número dois, eu sou uma compradora compulsiva de maquiagem... E maquiagem é caro.
Eu não sei quando foi que eu comecei a usar maquiagem, mas lembro que eu sempre achei a ideia de poder mudar seu rosto com aqueles pozinhos coloridos sempre me pareceu fascinante, e depois que eu descobri que diferentes pinceis fazem diferentes coisas, e que certas cores combinam, e outras cores não, que batom fica mais tempo se usar lapis por baixo, que antes de usar base a gente usa um primer...
Uma outra coisa que eu descobrir é que... Maquiagem é cara pra caramba!  E por mais que eu ame e não tenha pena em gastar meu rico dinheirinho em sombras e blushs. Passar horas me arrumando para poder sair por vinte minutos e me sentir bem.
Antes eu usava maquiagem para esconder as minhas imperfeições, esconder todas as minhas manchinhas, minhas olheiras constantes e eternas, minhas bochechas muito grandes, meus lábios que são extremamente assimétricos...
Mas isso foi antes, antes de eu descobri para que serve e para que eu posso usar maquiagem, não é para me esconder e sim para me expressar, se eu estou bem comigo mesma, se eu estou feliz, vou usar uma cor ou um estilo, e quando eu estou triste provavelmente não vu usar nada, se eu estou me sentindo sexy, pode apostar que eu vou colocar um batom escuro... Assim como as palavras que eu me apoio, as cores de uma paleta de sombra me servem para isso...
Seria uma bela relação entre essas duas dimensões se... Maquiagem não fosse tão caro.  E eu por ter muito mais conta que dinheiro preciso de algo com que não fui agraciada... Paciência. Paciência para juntar dinheiro, paciência para esperar promoção... A paciência para escutar de todo mundo:

“Ouro Pincel?” “ Mas você já não têm um blush? “Pra que tanta sombra?” “O que é esse pincel faz?” “Qual a diferença entre esse e esse produto” “ Você não precisa de maquiagem” “Nossa assim você ficou tão velha.”

Que frustrante podem ser algumas situações da vida... 


No comments:

Post a Comment